seja bem vindo!

Paz seja convosco!




Rev.Sebastião Prª. Vera
Loading...

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

SETEMBRO MÊS DA FAMILIA 15/09 a 15/10

Tema: AS BASES PARA UM CASAMENTO FELIZ
Mateus 7:24,25

Desde o inicio os noivos começam a sonhar com este dia. Sonhamcom doce melodia que marcam a entrada das testemunhas. Sonham com a marcha nupcial. Com o templo cheio de parentes e amigos. Mas principalmente com um lar, doce lar, com filhos alegres e felizes.
Para que a felicidade se materialize é necessario que o casamento, esteja solidamente edificado sobre a rocha. Poderá haver ocasiões, em que a dúvida atacará o telhado em forma de chuva, a desilusão poderá inundar os seus alicerces em forma de rio e vento frio da dor soprar sobre suas paredes. Mostrarei alguns principios que poderão ajudá-los para obterem um casamento bem sucedido.
1º BASE – Antecipe sempre
Se voce quer que alguem lhes faça o bem, faça-o voce primeiro. Mateus 7:12
Cada conjuge deve tratar o outro como gostaria de ser tratado; ajudar, como gostaria de ser ajudado; compreender como gostaria de ser compreendido. E o resultado será óbvio: um bom marido fará de sua companheira uma boa esposa; e uma boa esposa fará de seu companheiro um bom marido.
O principio apresentado por Jesus mostra que só podemos colher o que plantamos. Quem quer amor, deve investir em amor.
Quem quer atenção, deve investir em atenção.
Quem quer respeito deve investir em respeito.
O apostolo Paulo escreveu II Cor. 9:6 “ O que semeia com fartura, com abundância ceifará.”
2 ª BASE – Perdão
Se perdoardes aos homens as suas ofensas, tambem vosso pai celeste vos perdoará. Mateus 6:15
Quando a chuva cai sobre o telhado de nosso casamento, ou o rio atinge seus alicerces ou o vento sopra sobre suas paredes, somos tentados a jogar a culpa sobre o outro. A responsabilidade será sempre do casal, ambos precisam reconhecer e principalmente pelo que irá acontecer, porisso ambos precisam perdoar e serem perdoados. O perdão é um ato de obediencia a Deus. Não existe marido perfeito e nem esposa perfeita. Por isso o casal estará sempre na dependencia do perdão um do outro para que seu casamento seja uma casa edificada sobre a rocha.
3ª Base – Compromisso
O casamento deve estar alicerçado sobre o compromisso e não sobre o sentimento.
Muitas pessoas se apaixonam e se casam, porem se não tiverem compromissadas um com o outro, diante das crises e do sofrimento deixam de amar e se separam. Quando Paulo faz analogia sobre o amor. Descobrimos as duras penas que amor não é sentimento, amor é atitude. I Cor. 13:1,8
Deus os criou e agora Ele os une pelos laços sagrados do matrimonio. Se voces praticarem esses principios. Dificuldades e crises surgirão, mas com Jesus na base voces serão mais do que vencedores.

Tema: COMO PREVENIR O ABUSO SEXUAL
O abuso sexual longe de acontecer lá fora acontece muito mais perto do que imaginamos, geralmente acontece na familia, atraves do pai, do padrasto, do irmão ou de outro pareante qualquer. Outras vezes, ocorre fora de casa, como, por exemplo, na casa de um amigo da familia, da pessoa que toma conta de uma criança, na casa de um vizinho ou mesmo de um desconhecido.
Os pais devem tomar atitudes de amor e proporcionar um cuidado especial às crianças. Ou seja, reconhecer a criança como pessoa e seus direitos, respeitar o seu desenvolvimento evolutivo e estabelecer empatia e comunicação efetiva com ela, criar um vinculo afetivo e interativo. E resolver seus problemas de uma forma positiva, e não violenta.
- Digam aos filhos que, Se alguem trata de tocar-lhe o corpo e fazer-lhe coisas que o fazem ser incomodado, elas devem dizer “não” à pessoa e que conte logo em seguida aos pais.
- Ensinem ás crianças que o respeito aos mais velhos não quer dizer que tenham que obeder cegamente aos adultos. Nunca diga que eles tenham que fazer o que a professora ou quem cuida deles mandar eles fazerem.
- Participem dos programas profissionais do sistemas escolar para a prevenção.
- Fale claramente com seu filho ou filha sobre a sexualidade desde a idade pré-escolar, na educação formal e não formal.
- Explique ao seu filho a diferença entre uma expressão de carinho e uma caricia sexual.
- Escute com paciencia suas duvidas e responda suas perguntas com simplicidades e serenidade.
- Demonstre ao filho confiança para que exista uma melhor e maior comunicação.
- Deposite confiança na criança, se lhe comunicar que está correndo risco de ser abusado sexualmente.
- Demonstre a criança ainda mais carinho e afeto.
- observe com quem ela conversa na internet mesmo que aparentemente seja uma criança do outro lado, lembre-se que o pedófilo faz-se passar da mesma idade para atrair suas presas.
- Observe se seus filhos postam fotografias no Orkut seminuas seja para quem for, mesmo que seja para amigos.

TEMA: TRES MENTIRAS QUE AS PESSOAS USAM PARA DEFENDER O SEXO ANTES DO CASAMENTO

1º A Biblia não fala claramente que é pecado sexo antes do casamento.

Não existe sequer um texto na biblia do tipo: “Não terás relação sexual antes do casamento”, porém a biblia enfatiza o perigo de uma vida adultera sem compromisso e sem responsabilidade, no entanto a biblia adverte sobre a promiscuidade e sobre a fornicação. Para manter nossa vida ética de acordo com os padrões de Deus, não precisamos ficar procurando textos biblicos que sejam tão imperativos para nos guiar em nossas condutas. Basta olharmos para a palavra de Deus e procurar obedece-las. Os padrões sexuais eram extremamente baixos no Imperio Romano; hoje, em muitas sociedades, não são muito mais altos do que aqueles. A tentação de se envolver em uma relação sexual fora do casamento sempre foi poderosa e ceder essa tentação pode trazer resultados desastrosos. Os pecados sexuais sempre ferem alguem: individuos, familias, negocios, igrejas. Alem das consequencias fisicas, há tambem consequencias espirituais. Os cristãos são livres para ser tudo o que puderem para Deus, mas não estão livres em Deus. Fazer sexo antes do casamento é uma atitude que magoa a Deus porque mostra que preferimos seguir nossos proprios desejos a colocar-nos sob a direção do Espirito Santo. Embora muitas pessoas pensam que tem direito de fazer o que quizerem com seu corpo, na verdade estão escravisadas pelo seus proprios desejos. Quando aceitamos a Cristo o Espirito Santo passa a habitar em nós, assim sendo, o nosso corpo não nos pertence mais. Se alguem vive em um edificio de propriedade de outra pessoa, procurará evitar violar as regras do edificio. Pelo fato de seu corpo pertencer a Deus, voce não deve violar os padrões de vida estabelecidos por Deus. Portanto a experiencia sexual deve ser limitda ao casamento para evitar que provoquemos danos a nós mesmos, ao nosso relacionamento com Deus e ao nosso relacionamento com as pessoas. I Tessalonicenses. - 4: 1,8 – I Cor. 6: 18,19

2º Sexo antes do casamento é uma prova de amor.
A imoralidade sexual é uma tentação que está sempre diante de nós. No cinema e na televisão, o sexo fora do casamento é tratado como algo normal, até desejavel, como parte da vida. Já o casamento é mostrado como limitado, monótomo e triste. Podemos até ser tratados com desprezo pelos outros se formos considerados puros. Mas Deus não proibe os pecados sexuais somente para dificultar. Ele conhece o poder que o pecado tem de destruir-nos, saiba que a imoralidade devastou incontaveis vidas, destruiu familias, igrejas, comunidades e até nações. Deus quer proteger-nos para não prejudicarmos a nós mesmos e aos outros e aos outros.
A maior prova de amor que os namorados devem oferecer um ao outro é a fidelidade, o sentimento de amor não é credenciamento para o desejo sexual antes do casamento. A expressão de Genesis 2:24 “se tornarão ambos uma só carne”, se refere ao casamento. Nossa sociedade confunde o amor e a luxuria. Ao contrario da luxuria, o amor de Deus é dirigido exteriormente, às outras pessoas, e não interiormente, a nós mesmos. É totalmente desinteressado. Esse tipo de amor é contrario às nossas inclinações naturais. É impossivel ter esse amor a menos que Deus nos ajude a colocar nossos proprios desejos naturais de lado. Paulo declarou claramente que os cristãos não devem tomar parte na imoralidade sexual, ainda que isso seja aceitavel e popular em nossa cultura atual. I Cor.6 :15,17

3º Para saber se vai dar certo, tenho que experimentar
É o que chamamos de test driver do sexo. Esse argumento tem sido muito usado para os defensores do sexo antes do casamento. A beleza sexual do casamento está justamente na valorização da virgindade. Já pensou se, para comprar um carro, tivessemos de testar todos os outros carros? O que determina o sucesso de um casamento é muito mais do que um relacionamento sexual. O Sexo é apenas uma faceta da relação conjugal.Portanto esteja atento. Não se deixe enganar a vontade de é que a expressão sexual seja entre um homem e uma mulher, num contexto de casamento monogamico. Hebreus 13:4
Em uma sociedade permissiva, é facil para os cristãos ignorar algum comportamento imoral, enquanto se mostram indgnados com outros, toleram pecados como furtos e homossexualidade. Não podemos ser seletivos naquilo que condenamos ou perdoamos. Afastar-se das formas mais aceitáveis de pecado é perigoso. Deus espera que seus seguidores, de todas as épocas, tenham elevados padrões morais.

tema: OS VICIOS DA PORNOGARFIA
Infelizmente ninguem, inclusive os cristãos estão imunes a pornografia. Uma revista americana cristã voltada para mulheres, 34 % de suas leitoras admitiram ter acessado site pornografico, e uma em cada seis disseram lutar contra o vicio da pornografia. Homens e mulheres, adultos e idosos, casados e solteiros; todos podem ser suas vitimas. Enquanto os homens procuram mais pesadas, as mulheres são mais sutis: procuaram textos e romances eróticos. O vicio do homem é mais erosivo, enquanto da mulher é mais corrosivo. Diga-se que no Brasil é produzido dois filmes pornograficos por dia.

CINCO ESTAGIOS DO VICIO DA PORNOGRAFIA:

EXPOSIÇÃO PRECOCE: A maioria das pessoas começam cedo, veem coisas quando são muito jovem, às vezes ainda crianças.

ADICÇÃO: Depois vem o vicio. A pessoa continua voltando a pornografia. Torna-se uma parte regular de sua vida. Neste ponto já está viciado.

ESCALADA: Depois de um tempo, começa a escalada. A pessoa começa a procurar por pornografia cada vez mais pesada.

DESSENSIBILIZAÇÃO: A pessoa começa a tornar-se insensivel. A pornografia comum não exita mais. A pessoa fica tão desesperada para sentir a mesma emoção novamente, mas não consegue encontrá-la.

QUEBRA DA FRONTEIRA: Neste ponto, muitos homens e mulheres fazem um salto perigoso e começam a agir no mundo real. Movem-se do papel e das imagens de pornografia para o mundo real, procurando prostitutas e homosexuais.